segunda-feira, 16 de março de 2009

Inquietude (s) …




Corro, dia após dia, atrás do nada que o hoje deixou

O amanhã parece – me sempre distante e

Contudo

Num ápice

O amanhã, velozmente, passou



Procuro incessantemente

O sossego dos dias que o tempo levou

Fecho os olhos e percorro o passado

Agora revisitado

Sinto a doçura das noites tranquilas

Os dias alegres

O riso pintado a cor



Amarelo

Laranja

Encarnado

A alegria que transborda de um passado cheio de vida

Sonhos

Emoções



Guardo esta imagem na minha memória e

De olhos cerrados

Mergulho no amanhã

Lanço – me ao acaso dos dias

Entrego – me voluntariamente à sorte

Do futuro

Que, recém – chegado,

Já passou …


15 de Março de 2009
Carla Alves ©



Fotografia – Cinda Miranda ©

4 comentários:

Elcio Tuiribepi disse...

Igual...bjo

Elcio Tuiribepi disse...

Então a gente espera...pois também tenho andado numa correria só, mas hoje tirei a manhã ara colcoar os coments em dia...belo fim de semana...e continuo meio igual...rsrs
Um abraço na alma...

Helena Paixão disse...

"A alegria que transborda de um passado cheio de vida"...
onde se vão buscar as forças e motivação para no presente viver novas e maiores alegrias e a certeza de que o futuro será uma sequência de momentos de intensa felicidade.

Lindissima a tua escrita!

Bjocas

Nuno de Sousa disse...

Lindas cores e mais um belo poema... e quem tem arte no que escreve é mesmo assim... tudo cheio de beleza.
Bjs,
Nuno